Guia do primeiro encontro para quem quer encontrar uma namorada

Eduardo Santorini

Publicado por

Este guia de encontro é, acima de tudo, um passo-a-passo para quem quer encontrar uma namorada, mas não tem muito tempo sobrando.

É uma estratégia simples para conseguir cuidar dos relacionamentos, de forma otimizada, sem perder tempo.

Chega um momento na vida de (quase) todo homem que ele diz: cansei da vida bandida de solteiro e quero encontrar alguém especial.

Muitos sentem esse desejo quando já passaram dos 30 anos, percebem que os amigos estão todos casados, alguns até com filhos! Mas o tempo e a energia para sair virando noites já não é o mesmo. Os compromissos e responsabilidades, deixam o tempo curto.

Ao final deste guia, você encontrará alguém bacana para dividir o edredom. Vamos às 4 etapas:

1. Marque muitos encontros

Casal durante encontro para um café (Foto: Adobe Stock)

Primeiro passo para encontrar uma namorada é ter muitas opções. Quanto mais opções você tiver, melhor será sua escolha.

Imagine uma entrevista de emprego para preencher uma vaga. Se você tiver apenas 2 ou 3 currículos para decidir, talvez você não consiga encontrar a pessoa ideal para aquela posição.

Mas se na sua mesa tiver 20 ou 30 currículos para escolher, será muito mais fácil selecionar aqueles com melhor perfil, marcar entrevistas e avaliar se vale a pena passar por um período de testes.

Para encontrar uma namorada, é exatamente a mesma coisa: tenha muitas opções.

Se você morar em grandes cidades, sua vida será bem mais fácil. Basta criar um perfil irresistível no Tinder, dar uns likes e começar a marcar encontros.

Mas se tiver numa cidade menor, você pode buscar bares e festas mais badalados na sua região e puxar assunto com as mulheres pessoalmente, desembolar o papo e pegar o contato.

2. Faça encontros rápidos e casuais

Este é o pulo do gato entre os caras bem sucedidos no jogo da conquista e dos amadores.

Os amadores marcam encontros formais, complicados, jantares românticos, compram presentes, flores … sem nem ao menos conhecer direito a mulher!

Já os caras bem sucedidos, fazem o completo oposto.

Eles não investem tanto no início do relacionamento. Eles levam o encontro da forma mais casual possível.

O primeiro convite para sair, sempre deve ser algo casual. Chamam para tomar um café, um drink no bar ou mesmo para almoçar no intervalo de almoço.

Encarar o primeiro encontro de forma casual, tem duas vantagens. A primeira, mais evidente, é que você poderá encaixar encontros na sua rotina normal. No seu intervalo de almoço, no happy hour ao final do trabalho. Assim, poderá facilmente marcar 4, 5, 6 encontros com garotas diferentes durante a semana.

(Veja também: 4 formas de conhecer mulheres, que todo solteiro precisa saber)

E a segunda vantagem é … você mostra que não está desesperado. É muito mais fácil (e menos pressão) para a mulher dizer “sim” a um convite para encontrar ao final do trabalho, do que ela aceitar um convite para um super jantar no restaurante mais caro da cidade.

É muita pressão, logo no início do relacionamento.

3. Planeje um segundo encontro inesquecível

Fuja do lugar comum e busque um segundo encontro inusitado, como um passeio de bike (Foto: Shutterstock)

Depois de alguns encontros casuais, você provavelmente terá alguém que te despertou atenção e quer dar mais atenção.

O papo rolou bem, teve química entre vocês, e você acha que vale a pena investir. Daí é hora de planejar um encontro inesquecível.

(Veja também: 11 ideias para um primeiro encontro inesquecível)

Neste encontro, vale a pena planejar um pouco mais. Tente fugir dos encontros muito batidos. Fuja do cinema, que é um programa que não dá pra conversar com a mulher. Também não acho uma boa ideia jantares em restaurantes mais sofisticados. Provável que vocês não se sintam tão à vontade aí.

Pode ser fazer algum esporte juntos, sair pra um pub mais descontraído, ir para orla da praia ou levar a garota para um lugar bacana que ela ainda não conhece da cidade.

4. Repita, até encontrar alguém que vale a pena

Alguns homens vão levar meses até encontrar uma mulher que vale a pena namorar. Outros, podem fazer 3 encontros casuais e já estarem perdidamente apaixonados.

O importante é não se apressar, ter um tempinho na agenda semanal para encontrar garotas, por mais corrido que seja a rotina.

Também, vale a pena não perder tempo com aquelas mulheres que você sai, mas sabe que não tem qualquer futuro a relação. Alguns dizem que não têm nada a perder. Mas pode ser apenas uma distração que impede de conhecer alguém realmente bacana.

(Veja também: Como encontrar uma namorada? 3 estratégias para encontrar sua alma gêmea)